18
Ago
14

Another Forgotten Child

 

Another Forgotten Child, de Cathy Glass

When I first heard about Aimee I was horrified. The referral from the social services stated that Aimee kicked, bit her mother and pulled her mother’s hair, and worst of all, Aimee had strangled some little kittens. The social worker was looking for a very experienced foster carer with no young children to take care of Aimee and I was asked. I had serious doubts, but I agreed to look after her.

Aimee arrived late one evening with nothing but what she stood up in – rags and plastic trainers with the toes out. She was dirty; her head was crawling with lice, and she had a very bad attitude. But there was something about her that I warmed to, something I felt I could work with, and when she snuggled into her bed that first night she was so grateful I nearly cried.

With firm boundaries, routine, care and attention Aimee began to make progress and trust me enough to confide. But the more she told me about her life before coming into care the angrier I became. It was clear that Aimee should have been removed from home much sooner, and I couldn’t understand why she had been left to suffer. It seemed that Aimee had been forgotten.

Uma vez mais um resumo em inglês, já que o livro não existe ainda em português…

Este foi o último livro dela publicado até á data sobre acolhimento. Foi um livro que me chocou, pelo estado em que a menina vinha, imundo… a falta de higiene e habitos era algo que não pensei que existisse assim…

Também me chocou os problemas que a autora teve com a mãe da criança e com o facto de os Serviços Sociais nada fazerem. Fez-me lembrar a postura da nossa Segurança Social com os ciganos…

Aqui um grande esforço dela e com bons resultados.

Anúncios

1 Response to “Another Forgotten Child”


  1. 19 de Agosto de 2014 às 9:45 pm

    Mais uma história chocante para refletir…. Infelizmente esta é uma realidade. Hoje na televisão ouvimos várias notícias sobre abusos de crianças e inclusivamente um bebé que faleceu vítima de maus tratos. Fiquei com um nó no coração e uma revolta muito forte.
    Beijinhos


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


Encomendas

Caso pretendam alguma peça tricotada por mim, é só entrar em contacto através do email (mamamartinho@gmail.com) com a informação do que pretendem, que eu irei responder.

Escreve o teu endereço de e-mail para seguir este blog e receber as notificações de novos posts por e-mail.

Junte-se a 547 outros seguidores

Categorias

Arquivos


%d bloggers like this: